Google+ Followers

domingo, 18 de octubre de 2015

Do jeito brasileiro

Sou estrangeiro em terras  brasileiras. Cá cheguei depois de largar tudo no meu longo e estreito país além dos Andes. Nos lá chamamos de gringo quase exclusivamente aos naturais dos Estados Unidos, mais aqui quando ouvi um brasileiro do Sumaré me chamar de gringo, fiquei um tanto confundido. e mesmo, cá todos os estrangeiros são gringos e, ao igual que no Chile, são em sua maioria bem vindos.


O Brasileiro e acolhedor, alegre, despreocupado e de bem com a vida, seja pobre ou seja rico, mais, tenho algumas críticas para  lhes fazer pois, junto a esas boas qualidades, existem também outras, que se bem existem em todo país, cá são mais evidentes: como a pouca responsabilidade com seus compromisos, a semvergonhice ampliamente  generalizada sobre todo entre os máis novos. No trabalho, eles querem ganhar bastante, trabalhar pouco, e conversar muito. Claro, existem outros que são  a inversa responsáveis e que fazem honor a sua palavra, com esses caras eu levo-me muito bem. Acostumado a trabalhar no horario comprometido (por conta própria)  desde que sai o sol até que se some, fico com raiva as vezes quando ao passar olho trabalhadores parados, de brazos cruzados batendo papo, por enquanto alguns deles bate a enxada ou a pá  nas obras nas estradas ou ruas.  Seus chefes  já se acostumarão de tanto ver tais condutas e nem ligam. Por outro lado a propina e a corrupção dominão todos os níveis sociais. Fiz uns bicos para um contador em Maringá, e fiquei confundido quando ele perguntou-me onde eu queria comprar os materiais? Ele estava acostumado a convenir com contratistas  que  impunham ao cliente onde teriam que comprar tais materiais, pois em ditos lugares (depósitos ou lojas), esses contratistas teriam “descontos especiais” quando na verdade eles recebião uma parte da venda diretamente como propina. Ele também ficou chocado quando eu lhe disse, Você é quem decide onde quer comprar, que tipo de materiais quer usar  e quanto quer pagar, os descontos, é poupança para você. Eu só recebo o valor pactado pelo meu serviço. Esse cara fazia-me o pago semanalmente, sem que eu  tivesse que lembrar a sua obrigação, Muitas vezes foi diretamente no meu endereço pra me entregar o pago. Embora seja uma excepção exemplar, tenho outras experiênças ruins e as vezes por esses, a gente qualifica todo um país. Desde aqueles que ficaram me devendo até hoje, passando por aqueles que na hora de fazer o pago, sumiam, até aqueles que nem se importam com  as necessidades dos seus trabalhadores e diferem o pago até quando já não podem esconder a cara (nos  casos em que conhecem a vergonha).

As coisas são assim no Brasil, hoje em crise, pois por ditas condutas geralizadas, as que na área do governo e da política, são escandalosamente perturbadoras e nefastas para os destinos da economía deste tão grande e riquísimo país. É incrível o pouco retorno que o cidadão tem dos impostos que o estado administra. Hospitais, escolas, segurança pública e muitos outros serviços da responsabilidade dos governos sejam municipais, estaduais ou federal, enfrentam a crítica da população por serias carências. O governo desesperadamente tenta arrecadar mais impostos e faz do aumento das receitas sua única tabua para salvar e superar a crise. Mais se a gente quer ser seria, ficaria  estupefacta ao saber que o atual governo tem aumentado núm 50%  a arrecadação de impostos se comparado com o último ano do governo Lula. é aínda no alcanza para cobrir a gastanza. (Ate hoje, 18-10-2015 e faltando  ainda dois e meio meses para acabar o ano, o governo arrecadou R$ 2,2 trilhões de reais, superando o arrecadado o ano passado *). Muito embora, a situação não melhorou nada nesse período, pelo contrário, o País foi afundando num buraco. O cidadão se coça a cabeça e se pergunta, cadé do dinheiro? Ninguém responde! De ali que resulta evidente que algo está muito errado, por não querer chamar o errado por seu nome: administração ineficiente.
Conjugando o verbo pagar em port. brasileiro. Imagen tomada do site:
http://forum.antinovaordemmundial.com/Topic. o-brasil-%C3%A9-o-pior-pa%C3%ADs-em-retorno-de-impostos

Senão tivesse tão grande corrupção, tão bilionarias somas dos dinheiros públicos roubados (chama-se por aí “desviados” para não afrontar os ladrões e não escandalizar os que leem), a situação atual do país e do seu povo, sería sem lugar a dúvidas uma das melhores do mundo.  Em meu comentârio “Retrospección” disse sobre a política brasileira, como ela está cheia de maus líderes, que amam mais a mentira, o engodo e o dinheiro sujo e fácil para encher o bolso, do que servir bem a seu país. Hoje vejo algo de luz  e boas noticias para o futuro brasileiro. Um juiz e um equipo de colaboradores ferrenhos e incorruptíveis estão fazendo  mudar a história, e parece ser que a impunidade tem os dias contados, políticalhos  de alta prosápia e graudos empresários, estão tremendo; uns porque as grades estão acolhendo-lhes para punir suas patifarias e outros porque parece que não poderão se enriquecer como esperavam, com cargo aos cofres públicos, ou melhor dito, metendo a mão neles. Também um tribunal encarregado de analizar as contas do governo, rechaçou por unanimidade as contas do ano 2014 do atual governo, isso da esperanzas ao país que parece tomado e dominado pelos corruptos, mostrando que ainda tem reserva moral para dar a volta por cima e dissipar as nuvens pretas que tampam o horizonte do sofrido povo brasileiro

* Ver site Diario do Poder, Columna de Cláudio Humberto del 18-10-2015.-